10 comentários:
De Anónimo a 16 de Janeiro de 2006 às 10:38
Aquilo que escreves faz tanto sentido para mim... nem imaginas o quanto!
Beijocas
~º(",)º~
FernandaFernanda Carvalho
(http://o-vento-debaixo-das-minhas-asas.blogspot.com/)
(mailto:falexcarvalho@yahoo.com)
De Anónimo a 15 de Janeiro de 2006 às 18:51
Voar em pensamento ainda é permitido....mal dos que não o sabem fazer!
O sol que vês na foto do Ross foi quando ele brilhou vagamente ao fim da tarde, pelo menos, nas minhas bandas.
Bjsjo
(http://ecosdotempo.blogs.sapo.pt)
(mailto:mjoaojara@sapo.pt)
De Anónimo a 14 de Janeiro de 2006 às 17:24
amar ás árvores e os animaisruizocas
(http://bloguesfera.blogs.sapo.pt/)
(mailto:ruizocas@hotmail.com)
De Anónimo a 14 de Janeiro de 2006 às 13:21
olá! Cada dia como se fosse o ultimo, mas n~~ao como se não houvesse amanha. Porque no outro dia teremos de viver com o que fizemos anteriormenteBlog do Tigre
(http://tigrinho.blogs.sapo.pt)
(mailto:tigreld@sapo.pt)
De Anónimo a 14 de Janeiro de 2006 às 08:25
"Todos os dias devíamos ouvir um pouco de música, ler uma boa poesia, ver um quadro bonito e, se possível, dizer algumas palavras sensatas" Bem, quanto á música, poesia e o quadro até acredito que seja possível mas quanto ás palavras sensatas... não sei não...PDivulg
(http://www.lacosazuis.blogs.sapo.pt)
(mailto:pdivulg@sapo.pt)
De Anónimo a 13 de Janeiro de 2006 às 22:41
Adorei esta cara nova!!
Viver tudo intensamente!...Sempre!

Bjks e obrigada pela festa...Clitie
(http://vidaemonologo.blogspot.com)
(mailto:vidaemonologo@gmail.com)
De Anónimo a 13 de Janeiro de 2006 às 22:28
Realmente devemos deixar os sentimentos fluirem sejam eles quais forem...
Chorar quando temos vontade, gritar quando estamos sufocadas...apreciar a beleza e os sentimentos...Tenta viver cada momento!
um beijo pensadorapensadora
(http://pensadora2.blogs.sapo.pt/)
(mailto:pcap37@hotamil.com)
De Anónimo a 13 de Janeiro de 2006 às 17:20
Todos os dias deviamos fazer um esforço por olhar para as coisas mais simples da vida...aquelas que, de tão complexas, nos passam despercebidas...o cheiro das flores, as cores do horizonte, as músicas que nos invadem, os risos das crianças, o olhar dos animais...os nossos sentidos iriam apreciar e agradecer. Tens toda a razão e é tão simples despertar os sentidos para estas pequenas coisas. PIU!Mocho
(http://barrocodomocho.blogs.sapo.pt)
(mailto:mvilamoura@sapo.pt)
De Anónimo a 13 de Janeiro de 2006 às 14:24
eu também ando numa fase assim... aproveitar ao máximo cada minuto... Tenho de me lembrar sempre disto cada vez que me chateio com coisas fúteis. Mas acho que a maternidade me levou um pouco os nervos à flor da pele...
ana
(http://xapinha.blogs.sapo.pt)
(mailto:)
De Anónimo a 13 de Janeiro de 2006 às 12:59
Não podia estar mais de acordo contigo, deviamos viver cada dia como se fosse o ultimo. Com muita intensidade, alegria e paixão.
Há que rir para ser feliz.....
BJOKASsol13
(http://www.sol13.blogs.sapo.pt)
(mailto:sfiao@hotmail.com)

Comentar post