Terça-feira, 21 de Fevereiro de 2006

E TUDO E TUDO E TUDO

E eu quero brincar ao quarto-escuro contigo e deixar que massajes o meu pescoço as costas as pernas os pés e que me segures na mão e sentir-me uma princesa quando me dás a mão e ir comer fora e não me importar se é caro ou barato e preocupar-me depois ou pensar nos petiscos que vamos fazer juntos e falar sobre o dia e sobre os chefes e sobre as correrias do meu emprego e fazer planos e olhar o ceu a paisagem o mar os pássaros contigo e adorar que me ensines coisas e deixar que carregues as compras e tudo mais mesmo que seja uma simples folha de papel porque não me deixas carregar nada e descobrir tantas coisas que temos em comum e poder ser livre e ouvir os teus conselhos e adorar o teu humor a tua simplicidade a tua sensibilidade e rir das tuas palhaçadas a qualquer momento daquelas inesperadas que me vejo a soltar gargalhadas e a ficar com a cara a doer e ver filmes bons e maus e assim assim e mudar a estação de rádio por estar a dar futebol ou musica que não gostamos e ter a certeza que nascemos um para o outro e que tinha de ser assim mesmo que tenha doido e tenha sido dificil e deixar que me tires fotografias quando não me sinto bem e ficar a sentir-me bem e querer que rias das minhas piadas sem graça ou querer sorrir contigo a toda a hora pois adoro o teu sorriso e querer-te à noite e a toda a hora e deixar que me abraces e me beijes e virar-te as costas porque gosto de estar assim mas continuar a querer que me abraces e me beijes e dizer para não coçares assim os olhos e passar os meus dedos pelos teus cabelos e ouvir-te dizer o quanto gostas do meu cabelo dos meus lábios do meu pescoço dos meus pés de mim e do bem que me tratas quando me sinto doente ou cansada e as nossa grandes discussões ao querermos os dois fazer algo um pelo outro de tanto amor que sentimos e tanto que queremos agradar e cuidar e sentar-me enquanto te vejo a fazer algo e preocupar-me que percebas que eu só tenho vontade de olhar para ti e absorver-te como se fosse a primeira vez enquanto tu fazes algo e dizeres-me que me amas e que eu te amo mais e dar-te apertões e pedir desculpa quando estou errada e adorar quando me desculpas ou me dizes para não pedir desculpa e desejar ter-te conhecido desde sempre e ter estado contigo desde sempre e ouvir-te sussurrar no meu ouvido o quanto gostas de mim e a sentir o mesmo mas a não conseguir dizê-lo como tu dizes pois não tenho o dom da palavra como tu e a ficar irritada por não conseguir dizer como tu dizes e ficar assustada quando te calas e não sei o que pensas e desejar que nunca te zangues comigo e dizer-te que te adoro com os meus olhos e desejar que percebas o que estou a dizer-te com os meus olhos e sentir-me linda junto de ti que me abraces quando estou stressada e deixar-te doido quando te toco e saber o quanto o teu sorriso é lindo e ter medo que as outras achem que tens um sorriso lindo e querer que seja um segredo só meu e não compreender por que é que pensaste que eu podia não gostar de ti quando eu gosto de ti e pensar como é que tu podias achar que eu podia não gostar de ti estando contigo e pensar que sabes como eu sou mas aceitas-me e adoras e escrever-te textos de amor escondidos e colocar na internet para todos verem e hesitar em pô-los na internet para todos verem e criar muitas coisas bonitas e a ver as tuas mãos lindas a criarem algo para mim e ter um sentimento tão profundo que é difícil escrever sobre isso e é tão fácil escrever sobre isso e sentir saudades tuas a toda a hora e a todo o momento e a pazer planos para o futuro contigo e a ter uma visao linda do futuro cheio de mimo e de amor e ter ciúmes de quem não devo porque eu quero toda a tua atenção só para mim mas sei que não é assim que deve ser e gostar quando me compras prendas que eu queria quando eu ainda não sabia se queria e estar contigo e deixar que me peças para ficar contigo para sempre e eu a dizer que sim e tu a perguntares se é mesmo sim e eu a pensar como é que tu podes pensar que eu não diria que sim e querer aquilo que queres e saber que estou segura contigo e saber que sabes e conheces os meus receios os meus medos as minhas paranoias e tentar dar-te o meu melhor porque mereces tudo e é maravilhoso estar contigo e é maravilhosa esta harmonia e simplicidade e não tenho sequer que fazer um nem dois nem três esforços e falar línguas que não sei contigo e fazer amor contigo às tantas da manhã ou a qualquer hora do dia e ter uma enorme paz quando estamos junto e adorar estar muito tempo com a cara encostada à tua e sentir-te mexer os lábios na minha boca e tentar tentar tentar tentar transmitir ao menos um bocadinho do coerente nobre absoluto contínuo puro incondicional maravilhoso unico e infindável amor que sinto sempre senti e sempre vou sentir por ti.

(Ideia retirada do blog Azenhas do Mar adaptada do texto "Falta" de Sarah Kane, mas reescrita por mim)

escrito por Ritisabel às 15:49

link do post | deixem as vossas pegadas | favorito
|
14 comentários:
De Anónimo a 22 de Fevereiro de 2006 às 21:11
As tuas palvras envolvem-nos na fantasia do passado, no sonho do presente...eu sei o que é recordar as brincadeiras de criança pela profissão que tenho...e por ter dois marinheiros pequenos que ainda me obrigam a brincar e a recordar...
pensadorapensadora
(http://pensadora2.blogs.sapo.pt/)
(mailto:pcap37@hotamail.com)
De Anónimo a 22 de Fevereiro de 2006 às 20:45
Gostosop mesmo as tuas recordações do passado. Valeu!..bjksintemporal
(http://intemporal.blogs.sapo.pt)
(mailto:intemporal@sapo.pt)
De Anónimo a 22 de Fevereiro de 2006 às 10:54
Só uma mulher apaixonada consegue escrever palavras tão sentidas. Que sempre exista motivos para as escreveres tão sentidamente. BjsDoceRebelde
(http://docerebelde.blogs.sapo.pt)
(mailto:docerebelde59@hotmail.com)
De Anónimo a 22 de Fevereiro de 2006 às 10:08

“De tudo só ficam três coisas:
A certeza de que estamos sempre começando.
A certeza de que é preciso continuar.
A certeza de que seremos
interrompidos antes de terminar.
Portanto devemos fazer:
Da interrupção um novo caminho.
Da queda, um passo de dança.
Do medo, uma escada.
Do sonho, uma ponte.
Da procura, um encontro.“
(Fernando Pessoa)
Carlos
(http://vagueando.blogs.sapo.pt/)
(mailto:c_m_a_n_u_e_l@hotmail.com)
De Anónimo a 22 de Fevereiro de 2006 às 03:00
:) sem palavras. mesmo. :))Milocas
(http://pipokinhacomsal.blogs.sapo.pt)
(mailto:amoraselvagem@sapo.pt)
De Anónimo a 22 de Fevereiro de 2006 às 02:14
uiiii....que posso dizer eu...Lindo, simplesmente lindo este teu texto...
beijinho
ate amanhaisabel
(http://flordomeusegredo.blogs.sapo.pt)
(mailto:isabelmargaridalucio@hotmail.com)
De Anónimo a 21 de Fevereiro de 2006 às 23:40
E tudo e tudo e tudo...

BjksClitie
(http://vidaemonologo.blogspot.com//)
(mailto:vidaemonologo@gmail.com)
De Anónimo a 21 de Fevereiro de 2006 às 20:04
Com as palavras esbelticas que aqui li, vale a pena cá voltar... beijofalcão peregrino
(http://passagensdoeu.blogspot.com)
(mailto:david_monge@sapo.pt)
De Anónimo a 21 de Fevereiro de 2006 às 19:34
Pois......são coisas tão simples mas que adoramos não é verdade.
Será que é dificil perceberem o que nós queremos??
Bjokas e espero que consigas tudo e tudo e tudo isso.sol13
(http://www.sol13.blogs.sapo.pt)
(mailto:sfiao@hotmail.com)
De Anónimo a 21 de Fevereiro de 2006 às 19:23
o que se sente mais é a forma como nos transporta...joca
(http://jcssantos.blogspot.com)
(mailto:jcssantos@hotmail.com)

Comentar post

.mais sobre mim

e-mail:
ritalexandre@hotmail.com
A LOJA...

Para encomendas: seilademilcores@yahoo.com

.Janeiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Pegadas Frescas

. MUDANÇA...

. FOI LINDO!

. EU VOU, EU VOU...

. E A SAGA CONTINUA...

. A MARAVILHOSA MAQUINA DE ...

. ...

. CABEÇA NO AR...

. PÂNICO...

. DE TI PARA MIM... OU DE M...

. MUDANÇAS

.Pegadas Passadas

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Agosto 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

.Pegadas Favoritas

. CHEIROS...

. E TUDO E TUDO E TUDO

. ADEUS AMIGO...

. DE COR...

. UMA LÁGRIMA ROLA...

. TEMPO...

. OS OLHOS DIZEM TUDO...

. O TEU RISO

. AGRADECIMENTOS...

. RENASCER...

.Outras Pegadas

blogs SAPO

.subscrever feeds